shopping-1165437_1280
ComportamentoConsumo

Sabe aquela cena linda da família reunida do supermercado, comprando frutas, legumes e verduras? As crianças mais velhas ajudando a encontrar tudo o que você precisa, o bebê dormindo tranquilamente no sling e todos os caixas livres e sem filas, prontos pra te atender? Pois é. A realidade não é bem assim, né?

Se as suas idas ao supermercado estão totalmente um pouquinho caóticas, temos algumas sugestões para tornar esses momentos menos… confusos.

 

ESCOLHA O MELHOR HORÁRIO

Se for possível, vá ao supermercado durante a semana no meio da tarde, por volta das 14 horas. É o horário em que ele vai estar mais vazio. A segunda opção é durante a semana na parte da manhã.

Os piores horários são dias de semana depois das 18 horas e aos domingos.

 

BIRRA

Um dos maiores medos de qualquer pai ou mãe em locais públicos é que seus filhos façam escândalo e se joguem no chão berrando porque querem balas e chocolates. Pra tentar evitar isso temos três dicas:

  • Criança alimentada: certifique-se de que seu filho comeu bem antes de vocês saírem de casa. Claro que crianças choram por chocolate mesmo quando estão sem fome, mas uma criança de barriguinha cheia fica menos irritadiça e propensa e dar um show.
  • Aviso dado: antes de saírem avise as crianças que sob nenhuma circunstância você vai comprar nada que esteja fora da sua lista de compras. Se for preciso, relembre esse recadinho quando estiverem na porta do mercado.
  • Longe dos olhos, longe do coração: a maioria dos supermercados tem a mesma disposição. Isso significa que quase sempre o “corredor indesejado” está no meio. Faça compras ao redor dele e evite a todo custo ter que atravessá-lo.

 

LISTA

Nunca saia de casa sem uma lista. “ah, são só cinco coisinhas, eu lembro de cabeça”. Não se deixe enganar por você mesma! Assim que colocar os pés no supermercado você vai se esquecer de tudo algumas coisas e só vai lembrar quando já estiver em casa.

Além do que, uma lista pronta te ajuda a ir mais depressa e te impede de comprar coisas que você não precisa.

Deixe as crianças mais velhas encarregadas de riscar os itens da lista que você for colocando no carrinho.

E por falar nele…

 

CARRINHO DE COMPRAS

Alguns supermercados estão colocando carrinhos de compras pequenos e mais baixos para que as crianças possam empurrar elas mesmas. A primeira vista parece muito fofo, mas não se esqueça que isso dá o poder ao seu filho de entrar no corredor que ele quiser e – principalmente – colocar o que ele quiser no carrinho. Depois explicar pra ele que o carrinho dele “é de mentira” não vai ser fácil.

Claro que uma criança mais velha pode se beneficiar desse tipo de ação aprendendo mais sobre os alimentos e consumo saudável, mas com uma criança pequena o tiro pode sair pela culatra. Afinal de contas, porque você acha que os doces e chocolates ficam sempre na altura dos olhos das crianças?

 

DISTRAÇÃO

Um jogo simples pra fazer com as crianças é pedir que ela apontem alguma coisa que começa com a letra [escolha alguma]. Crianças maiores podem comparar o preço de um mesmo produto de marcas diferentes e buscar as frutas e legumes pra você. Isso faz com que eles se sintam úteis e importantes.

 

FILA PRIORITÁRIA

Se você está com seu bebê, dê uma olhada na fila prioritária antes de se decidir por ela. Nem sempre ela será mais rápida que as filas normais.

continue reading
1 2 3 9
Page 1 of 9